22/07/2019

Setor

Segunda Pesquisa Nacional de Saúde começa em agosto

Guia da Farmácia Online

O Ministério da Saúde realizará, de agosto a dezembro, a segunda edição da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS). O levantamento será feito em parceria com Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e deve alcançar mais de 108 mil residências em todo o País.

Realizada a cada cinco anos, a pesquisa vai subsidiar a pasta com informações que possibilitem a formulação e o aperfeiçoamento de políticas públicas. Assim, o trabalho envolverá cerca de 1,2 mil entrevistadores, que passarão por 3,2 mil municípios de todos os estados e regiões do País, de áreas urbanas e rurais. Decerto, eles estarão uniformizados com colete e crachá de identificação do IBGE.

Segundo o Ministério da Saúde, os dados da PNS serão usados para elaborar ou aperfeiçoar ações e políticas na área de Atenção à Saúde, como o Programa Nacional de Controle do Tabagismo, a Estratégia de Saúde da Família e o programa Farmácia Popular do Brasil. Assim, a pesquisa será feita por amostragem com os moradores das residências sorteadas.

Aos entrevistados, serão feitas perguntas sobre as características do domicílio e sobre educação e rendimento. Além disso, terão perguntas sobre a situação de saúde dos residentes, como estilo de vida, doenças crônicas não transmissíveis, saúde da mulher, do homem, da criança, do idoso e da pessoa com deficiência, entre outros.

Entrevista para a pesquisa Nacional de Saúde

A primeira edição da Pesquisa Nacional de Saúde foi em 2013. Na segunda edição, os entrevistadores seguirão três etapas. A entrevista levará, em média, 30 minutos para ser concluída, mas esse tempo poderá variar de acordo com o perfil do entrevistado.

Haverá perguntas sobre o domicílio (como bens e presença de animais domésticos) e seu entorno (rede de esgoto, coleta de lixo, etc), sobre os moradores (aspectos gerais como educação e rendimentos, saúde dos demais residentes) e sobre um morador específico haverá questionamento detalhado, mais aprofundado, sobre estilo de vida, doenças crônicas – transmissíveis ou não, acidentes, violência, e a coleta de medidas como peso e altura.

Voltar

Abbot
Abbvie
Aegerion
Alexion
Allergan
Amgen
Astellas
Astra Zeneca
Bago
Bayer
Besins
Biogen Idec
Biomarin
Biominas
BMS
Boehringer Ingelheim
Celgene
Chiesi
Daiichi Sankyo
Eisai
Ferring Farmaceuticals
Galderma
Ge
Gilead
Glenmark
Grunenthal
GSK
Ipsen
Janssen
LEO
Lilly
Lundbeck
MSD
Mundipharma
Novartis
Novo Nordisk
Pfizer
Pharma Praxis
PTC Therapeutics
Pierre Fabre
Roche
Sanofi Aventis
Servier
Shire
Takeda
Teva
Theraskin
UCB
Vertex Pharmaceuticals
Zambon