12/01/2019

Setor

Governo manda para estados remédio prestes a vencer

Folha de S.Paulo

Após problemas de desabastecimentos, o Ministério da Saúde enviou para secretarias estaduais lotes de um remédio contra hepatite C, o sofosbuvir, para ser distribuído a pacientes. O problema é a data de validade dos produtos: 28 de fevereiro de 2019.

Houve protestos de coordenadores estaduais, para quem a distribuição é inviável nesse prazo. O impasse foi revelado pelo jornal O Estado de S. Paulo.

O ministério informa que o problema ocorreu devido à falta de um medicamento complementar, o daclastavir.

Isso ocorre porque o sofosbuvir precisa estar associado a complemento para ser utilizado. A compra do daclastavir, no entanto, sofreu atrasos e ocorreu apenas no final de 2018.

Já os lotes de sofosbuvir em questão haviam sido adquiridos em 2017.

Voltar

Abbot
Abbvie
Actavis
Actelion
Aegerion
Alexion
Allergan
Amgen
Astellas
Astra Zeneca
Bago
Bayer
Besins
Biogen Idec
Biomarin
Biominas
BMS
Boehringer Ingelheim
Celgene
Chiesi
Daiichi Sankyo
Eisai
Ferring Farmaceuticals
Galderma
Ge
Glenmark
Grunenthal
GSK
Ipsen
Isdin
Janssen
LEO
Lilly
Lundbeck
MSD
Mundipharma
Novartis
Novo Nordisk
Pfizer
Pharma Praxis
Pierre Fabre
Reckitt
Roche
Sanofi Aventis
Servier
Shire
Stiefel
Takeda
Teva
Theraskin
UCB
Vertex Pharmaceuticals
Zambon