26/03/2018 a 30/06/2018

Primeiro programa de certificação para profissionais de Medical Affairs na indústria farmacêutica brasileira

Local: SÃO PAULO

O primeiro programa administrado de forma independente para treinar e certificar profissionais de medical affairs no Brasil, fornecendo um melhor entendimento sobre os princípios fundamentais em áreas como assuntos regulatórios, desenvolvimento de drogas, marketing, compliance e desenho de estudos clínicos foi lançado hoje pelo Accreditation Council for Medical Affairs  em parceria com a Interfarma, uma associação representativa de indústrias biofarmacêuticas e de pesquisa clínica do Brasil.

O Programa de Certificação para Especialistas em Medical Affairs, ou BCMAS (sigla em Inglês), é o único programa educacional consistente e confiável para especialistas em Medical Affairs brasileiros que trabalham na indústria biofarmacêutica e em instituições acadêmicas, e é compatível com o credenciamento BCMAS que o Affairs oferece nos Estados Unidos. Cerca de 4.000 especialistas em Medical Affairs se inscreveram no programa BCMAS desde que foi lançado nos Estados Unidos há pouco mais de dois anos.

Um programa para representantes farmacêuticos e outros programas de certificação, que ensinam as habilidades fundamentais necessárias para trabalhar em diversas áreas dentro da indústria farmacêutica, de produtos para saúde e de diagnósticos também estão sendo lançados hoje no Brasil pelo ACMA. O programa para representantes da indústria farmacêutica foi projetado para atender aos requisitos da Anvisa, a agência brasileira de regulamentação da saúde.

Os inscritos para o programa BCMAS e para certos programas de certificação podem ganhar créditos de educação médica continuada.

"Os profissionais de medical affairs desempenham um papel fundamental no desenvolvimento e disseminação de dados biofarmacêuticos para os médicos, são percebidos por muitos profissionais como um recurso confiável e estão em condições de influenciar muito as decisões de tratamento", disse o Dr. Charles Schmidt, líder para a América do Sul da ACMA.

"Antes do lançamento do programa BCMAS, não existia uma padronização para treinamento, certificação e credenciamento de pessoal de Medical Affairs no Brasil", acrescentou o Dr. Schmidt. "A falta de treinamento uniforme e padronizado conduzido por uma organização independente resultou no aumento do risco do profissional de medical affairs em informar mal os médicos. Isso, por sua vez, pode colocar os pacientes em risco por tratamentos que podem causar lesões e até a morte, ao expor empresas biofarmacêuticas a litígios ".

As demandas crescentes de pacientes no Brasil para acesso expandido a medicamentos de uso “off label”, tornam mais importante do que nunca que profissionais de Medical Affairs e representantes farmacêuticos tenham uma base sólida em questões como ética profissional, abuso de drogas e prevenção de fraudes e regras que governam a interação com médicos.

O Dr. Schmidt, pediatra com ampla experiência na Indústria farmacêutica, pesquisa clínica e desenvolvimento de medicamentos, foi fundamental para obter o endosso da Interfarma para o programa BCMAS. O Dr. Schmidt é médico assistente e coordenador do programa de pós-graduação em pesquisa clínica e Medical Affairs da Faculdade de Medicina Santa Casa de São Paulo e gerente médico do Instituto Central de Pesquisa Clínica do Hospital das Clínicas, também em São Paulo. Ele fundou e é ex-presidente da Associação Brasileira de Organizações Representativas de Pesquisa Clínica (ABRACRO), atua como vice-presidente da Associação Brasileira de Medicina Farmacêutica (SBMF) e tem sido fundamental na expansão da pesquisa clínica sobre doenças genéticas raras pediátricas.

A Accreditation Council for Medical Affairs está planejando expandir seus programas para outros países da América do Sul e outros continentes. "Estamos empenhados em desenvolver padrões universais para medical affairs na indústria farmacêutica, de produtos para saúde e de diagnóstico", disse o Dr. William Soliman, presidente da ACMA.

Sobre a Accreditation Council for Medical Affairs

A Accreditation Council for Medical Affairs, ou ACMA, é uma entidade autônoma que administra conteúdo de programas de certificação em Medical Affairs.

A missão da ACMA é estabelecer, certificar e manter as competências de profissionais médicos e científicos qualificados que se concentrem em medical affairs nas indústrias farmacêutica e biotecnológica.

O conselho trabalha em colaboração com outras organizações acadêmicas e industriais para garantir que haja oportunidades adequadas de desenvolvimento educacional e profissional para profissionais envolvidos, bem como para estudantes com interesse em medical affairs.

Para obter informações adicionais, visite o site da ACMA, . Para detalhes sobre os programas brasileiros da ACMA, clique aqui .


Voltar

Abbot
Abbvie
Actavis
Actelion
Aegerion
Alexion
Allergan
Amgen
Astellas
Astra Zeneca
Bago
Bayer
Besins
Biogen Idec
Biomarin
Biominas
BMS
Boehringer Ingelheim
Celgene
Chiesi
Daiichi Sankyo
Eisai
Ferring Farmaceuticals
Galderma
Ge
Glenmark
Grunenthal
GSK
Ipsen
Isdin
Janssen
LEO
Lilly
Lundbeck
Merck Serono
MSD
Mundipharma
Novartis
Novo Nordisk
Pfizer
Pharma Praxis
Pierre Fabre
Reckitt
Roche
Sanofi Aventis
Servier
Shire
Stiefel
Takeda
Teva
Theraskin
UCB
Zambon