17/10/2018

Folha compara propostas para a Saúde dos candidatos em segundo turno

A Folha de S.Paulo publicou um resumo das principais propostas dos presidenciáveis em disputa neste segundo turno, Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). 

O plano de Bolsonaro, segundo o jornal, aponta os seguintes tópicos:

  • Criação de um prontuário eletrônico nacional interligado;
  • Credenciamento universal de médicos (todos podem atender no SUS e em qualquer plano de saúde);
  • Criação de uma carreira para médicos de Estado;
  • Inclusão de profissionais de educação física no programa de Saúde da família;
  • Reforço de saúde bucal de gestante e neonatais para combater a mortalidade infantil.

Já o plano de Haddad, segundo o jornal, aponta os seguintes tópicos:

  • Revogação do teto de gastos para a saúde
  • Implantação total do SUS
  • Criação da Rede de Especialidades Multiprofissional (REM)

Além de listar as ações previstas nos planos de governo, a Folha fez uma avaliação geral, ainda no primeiro turno, das propostas para a Saúde. Veja aqui.

As demais propostas de Haddad e Bolsonaro para outras áreas, como segurança pública e educação podem ser encontradas aqui.

Voltar

Disclaimer: todas as informações aqui publicadas tratam-se de transcrições e/ou simples reproduções, devidamente contextualizadas, de manifestações públicas dos principais candidatos à Presidência da República, divulgadas e identificadas por meio dos veículos de comunicação disponíveis (jornais, revistas, televisão, portais de notícias etc), nos mais diversos formatos (impressos, vídeos, digitais, eletrônicos etc), acompanhados sempre do link e/ou citação da respectiva fonte. As opiniões emitidas nesta página são de responsabilidade dos seus respectivos autores, não exprimindo, necessariamente, a opinião da INTERFARMA.

Abbot
Abbvie
Actavis
Actelion
Aegerion
Alexion
Allergan
Amgen
Astellas
Astra Zeneca
Bago
Bayer
Besins
Biogen Idec
Biomarin
Biominas
BMS
Boehringer Ingelheim
Celgene
Chiesi
Daiichi Sankyo
Eisai
Ferring Farmaceuticals
Galderma
Ge
Glenmark
Grunenthal
GSK
Ipsen
Isdin
Janssen
LEO
Lilly
Lundbeck
Merck Serono
MSD
Mundipharma
Novartis
Novo Nordisk
Pfizer
Pharma Praxis
Pierre Fabre
Reckitt
Roche
Sanofi Aventis
Servier
Shire
Stiefel
Takeda
Teva
Theraskin
UCB
Zambon